Maaya Sakamoto – Hemisphere

Maaya Sakamoto – Hemisphere

Hemisfério

hemisphere

Reflexões da Maaya: Fiquei atordoada a primeira vez que li a linha que diz “No meio do vento, aquelas deploráveis criaturas…”. É uma música extremamente fora do comum e do tipo difícil. Tive que dar tudo de mim para atingir todas as notas e durante a gravação eu senti na verdade que meu corpo estava em sintonia. Mas quando ouvi com os ouvidos mais apurados após da sintetização uns dias depois, me lembrei que a letra penetrou meu coração intensamente e de repente comecei a chorar.

Letra: Yuho Iwasato
Composição: Yoko Kanno
Arranjo: Yoko Kanno

Então o que eu posso fazer?
O que eu posso fazer para mudar a realidade desse jardim em miniatura?

Nem ao menos vivi metade da minha vida
Me rebelo contra uns, abraço outros
Essas experiências estão sendo tatuadas no meu subconsciente

Quando estou parada no limiar de um penhasco
As dificuldades me seguram pelo braço
E pela primeira vez, eu posso ver onde eu estou
Seguindo um campo gigantesco, seguindo para algum lugar mais profundo, maior
Eu simplesmente tento chegar a um mundo que não consigo nem imaginar

Me diga, qual é a definição de força?
Significa machucar a si mesmo?
Ou talvez se colocar à frente para proteger alguém que deveria ser protegido?

As gazelas na savana levantam nuvens de poeira
Elas não tem escolha além de continuar aguentando o vento até o dia em que morrerem

Humanos continuam seguindo em frente
Apenas para continuarem vivendo
Eles prosseguem enquanto decodificam pedaços incompletos de informações
Parece que já caminhei pelo início do deserto sozinha
Quero permanecer eu mesma até o dia em que me tornar cinzas

De onde eu vim há muito tempo atrás?
Para onde eu vou no futuro longínquo?
Desconhecida e abandonada, o tempo vai terminar antes que eu perceba
Parece que já caminhei pelo início do deserto sozinha
Quero permanecer eu mesma até o dia em que me tornar cinzas

Quando estou parada no limiar de um penhasco
As dificuldades me seguram pelo braço
E pela primeira vez, eu posso ver onde eu estou
Seguindo um campo gigantesco, seguindo para algum lugar mais profundo, maior
Eu simplesmente tento chegar a um mundo que não consigo nem imaginar

Quero me conhecer melhor

Advertisements

Maaya Sakamoto – TRIANGLER

Maaya Sakamoto – TRIANGLER

Triangular

Letra: Gabriela Robin
Composição: Yoko Kanno
Arranjo: Yoko Kanno
Aparece em: Triangler Single, Kazeyomi Album, Singles Collection + Mitsubachi Best Album

Quem você vai beijar?
Eu ou aquela garota?
Meus puros sentimentos orbitam as estrelas

Junto com minhas fraquezas e lamúrias
Eu acho que consigo continuar
Eu raramente amo, raramente tenho desejos
Sinto raiva de mim por frequentemente escolher duvidar

Dói
Sermos amigos e você não me amar
Não poder estar com a pessoa que protejo
Essas contradições amargas
Chegam até mim
Se isso é destino, então me deixe estar com você

Quem você vai beijar?
Eu ou aquela garota?
Mais que as palavras que arrebatam meu coração
Sua irresponsabilidade me engole e eu estou no meu limite

Quando as leis que julgam as desilusões amorosas
Me chutam pelas costas
Eu tropeço em uma paixão evoluída
Respirar sozinha tira toda a minha força
Venha para mim, eu estou me afogando

Dói
Tirar uma mentira otimista de uma verdade dolorida
Pois não existe uma voz provocadora me incitando
O futuro se tornou algo demais para eu aguentar
Me abrace agora
Supere sua racionalidade

Quem você vai beijar?
Eu ou aquela garota?
Essas lágrimas quase não valem nada
Meus sentimentos puros perseguem as estrelas,

Para que serve esse triângulo?
Para que serve esse triângulo?
Para que serve esse triângulo?
Triângulo Triângulo

Quem você vai beijar?
Quem você vai beijar?

Quem você vai beijar?
Eu ou aquela garota?
Eu uso minha única vida como um escudo
E agora brando meu doloroso sentimentalismo

Maaya Sakamoto – Hikari Are

Maaya Sakamoto – Hikari Are

Que Se Faça Luz!

Reflexões da Maaya: Se a voz do meu verdadeiro eu alcançar alguém… quando escrevi isso estava lutando em um momento difícil do qual eu não poderia escapar. Caí no poço entre minha própria mediocridade e o desejo de viver de acordo com as expectativas que me rodeavam e me forcei a transformar aquele desespero em luz. Como eu disse “Vou abraçar o calor no meu coração de novo e continuarei” e “A coragem de renascer já está em mim”, por dentro eu me perguntava se algum dia isso realmente iria acontecer. É por isso que, apesar de ter se passado anos, eu a canto hoje.

Letra: Maaya Sakamoto
Composição & Arranjo: Yoko Kanno
Aparece em: Shounen Alice Album, Everywhere Best Album

Se por um acaso alguém estiver escutando minha voz
Quero promete-lo que nunca esquecerei o amor

Quando não quero estar sozinha
Me sinto solitária no meio de tantas pessoas
Refuto teimosamente o sentido da vida
Essa reação infantil
Faz com que eu pareça patética e fútil

Pensei que minhas flores
Nunca mais iam se abrir
Mas não importa o quanto demorem
Quero recuperar o tempo perdido

Se por um acaso alguém estiver escutando minha voz
Quero prometer a essa pessoa que nunca esquecerei o amor
Vou abraçar o calor no meu coração de novo e continuarei
Quero acreditar nesse poder
A coragem de renascer já está em mim

Não ter uma resposta para o que eu busco
Faz com que eu me sinta traída
Deixei escapar “isso não é legal”
Mas fingi não ver meu lado egoísta

Perdi muitas pessoas por não conseguir dizer coisas importantes
Apesar de ser a mesma desajeitada de sempre, quero viver a minha vida com alguém

Quero encontrar as memórias uma a uma, desde o começo
Vou abraçar meu antigo eu que joguei fora naquele dia
E contar para ele sobre as alegrias que existem
Perdi de vista o que estava buscando, mas a razão de amar alguém ainda vive em mim

Que se faça luz!
Que se faça luz!
Que se faça luz!
Deixe que ela transborde!

Se por um acaso alguém estiver escutando minha voz
Poderia dar a mão para mim que sou fraca?
É o suficiente para que eu seja capaz de continuar minha jornada em qualquer lugar
Para encontrar a razão de amar alguém

Se por um acaso alguém estiver escutando minha voz
Quero prometer a essa pessoa que nunca esquecerei o amor
Vou abraçar o calor no meu coração de novo e continuarei
Quero acreditar nesse poder
A coragem de renascer já está em mim

Maaya Sakamoto – Platinum

Maaya Sakamoto – Platinum

Platina

4106GEtSGjL

Reflexões da Maaya: Um número enorme de fãs me contaram que me conheceram por causa dessa música. É um som eletrizante e as letras explodem com expectativas para o meu futuro. Eu duvido que tivesse cantado essa música tão honestamente se não tivesse 18 anos na época. Ainda hoje quando a canto, a linha que diz “Há infinitas possibilidades em minhas mãos”,sempre me traz de volta a esse estado puro. Acho que sempre serei capaz de cantar essa música e sempre vou querer canta-la, não importa quantos anos se passem.

Letra: Yuho Iwasato
Composição e Arranjo: Yoko Kanno
Aparece em: Platinum Single, Singles Collection + Hotchpotch Best Album, Everywhere Best Album

Sou uma sonhadora
Com um poder oculto

Meu mundo
É feito de sonhos, amores e preocupações
Mas ainda há coisas perdidas
Que eu mal consigo imaginar

Como as árvores olham para o céu
Eu estou olhando diretamente para você

Quero encontrar meu sonho, quero torna-lo realidade
Não há nada que eu não consiga superar
Se eu acreditar
Como canções, como milagres
Sentimentos podem mudar tudo!
Sem dúvida, sem dúvida
É surpreendente!

Sou uma sonhadora
Com um poder oculto

Um mundo que ainda não vi
Não importa o que espera por mim lá
Mesmo que não seja o ideal
Não terei medo

Os pássaros viajam no vento
Em uma jornada do hoje para o amanhã

Eu quero te dizer, quero gritar
Ha apenas uma de mim no mundo inteiro
Como uma oração, como uma estrela
Sou uma pequena luz
Mas algum dia eu quero ser
Ainda mais forte

Há infinitas possibilidades em minhas mãos
(Que serão o seu mundo)

Quero encontrar meu sonho, quero torna-lo realidade
Não há nada que eu não consiga superar
Se eu acreditar
Como canções, como milagres
Sentimentos podem mudar tudo!
Sem dúvida, sem dúvida
É surpreendente!

Maaya Sakamoto – Yakusoku Wa Iranai

Maaya Sakamoto – Yakusoku Wa Iranai

Não Preciso de Promessas

tumblr_nqtwgutwZQ1uyap7po1_500

Reflexões da Maaya: Apesar de ter sido lançada quanto eu tinha 16 anos, ela foi gravada quando eu tinha 15. A ideia de me tornar uma cantora nunca tinha cruzado a minha mente, ainda assim um golpe estranho do destino me fez cantar por 15 anos, e aqui estou eu com 30. E tudo começou com essa canção.

Letra: Yuho Iwasato
Composição: Yoko Kanno
Arranjo: Yoko Kanno
Aparece em: Yakusoku Wa Iranai Single, Grapefruit Album, Singles Collection + Hotchpotch Album Best Album, Everywhere Album Best Album

Ei, todo mundo
Fica solitário assim quando está apaixonado?
Ei, eles devem abraçar a dor
Ainda mais profunda que a escuridão?

Foi tudo para possamos brilhar
Estou certa disso!

Eu, eu te amo
Estou olhando para você com meu coração
Eu, eu acredito em você
Mesmo na noite mais fria

Ei, se eles estiverem apaixonados
O fim chegará para eles também?
Ei, um sentimento tão puro quando o céu
Pode por fim ser abandonado?

Os ventos da mudança
Correm pelas ruas
Para sempre

Eu, eu te amo
Estou olhando para você com meu coração
Eu, eu acredito em você
Mesmo na noite mais fria

Mesmo que eu me perca amanhã
E mesmo que eu perca você também
Eu quero brilhar, sorrindo o máximo que eu puder

Eu chamo por você com minhas lágrimas
Não preciso de promessas ou coisas assim
Por causa da preciosa força que você me deu

Eu chamo por você com meus olhos
Não preciso de promessas ou coisas assim
Te alcanço com meus olhos
Mesmo nas noites frias

Maaya Sakamoto – coming up

Maaya Sakamoto – coming up

Venha

tumblr_nq56zp0ZsE1uyap7po1_500

Letra: Maaya Sakamoto
Composição: Masakazu Hara
Aparece em: Replica Single

Clap, clap, vamos juntos! Tudo é sobre começar
Toc, toc, venha! Eu não vou chamar seu nome
Clap, clap, está escurecendo! As sombras balançam, dançando e se misturando
Toc, toc, podemos deixar as preocupações como futuro para amanhã

As rupturas entre as ondas brilham
E a areia se enrola em nossos pés descalços
Em uma noite de verão mais linda do que qualquer sonho

Clap, clap, vamos juntos! Mesmo que as pessoas não tenham um lugar para ir
Toc, toc, deixe tudo sair! Todas as coisas que você mantém guardadas em segredo no seu coração

Incapaz de esperar até que uma promessa seja feita, a lua crescente sobe no céu

Venha! Esse é o tipo de música pelo qual você estava esperando, não era? Então vamos dançar!
Se mova! Até que você não se importe se alguém está olhando!

Clap, clap, enquanto parecer certo! Eu amo quando as pessoas param de tentar tanto
Knock, knock, me conte sobre tudo! Me acerte com sua estrofe favorita

Nossos ombros se tocam suavemente,
Trocamos palavras bem de perto
Aquele sentimento que você sentiu é real

Expostos na brisa do mar, não há nada a esconder

Venha! Esse é o tipo de noite que estive esperando e quero gastar dançando!
Se mova! Não pense sobre iso, apenas se torne um só comigo nesse momento!
Venha! Esse é o tipo de música pelo qual você estava esperando, não era? Então vamos dançar!
Se mova! Até que você não se importe se alguém está olhando!

Não ligo se nunca voltar pra casa, apenas não pare a música

Venha! Esse é o tipo de música pelo qual você estava esperando, não era? Então vamos dançar!
Se mova! Até que você não se importe se alguém está olhando!
Venha! Esse é o tipo de música pelo qual você estava esperando, não era? Então vamos dançar!
Se mova! Até que você não se importe se alguém está olhando!
Só se torne um comigo nesse momento – se mova!
Só se torne um comigo nesse momento – se mova!
Se mova!

Maaya Sakamoto – Kiseki No Umi

Maaya Sakamoto – Kiseki No Umi

Mar de Milagres

4106GEtSGjL

Reflexões da Maaya: Uma das faixas que estou confortável em cantar agora, mas me chocou a primeira vez em que cantei. Lembro de ter me imaginado como uma donzela de um santuário em frente ao microfone. Agora que eu penso nisso, lembro que peguei um resfriado e tive uma febre forte no dia da gravação, então adiei e refiz os vocais mais fortes dias depois. Eu tinha 18 anos naquela época.

Letra: Yuho Iwasato
Composição: Yoko Kanno
Arranjo: Yoko Kanno
Aparece em: Kiseki No Umi Single, Singles Collection + Hotchpotch Best Album, Everywhere Best Album

O céu da noite escura nos separa
Para desnudar nossos corações enquanto eles chamam um pelo outro
Abandone suas armadilhas sem sentido
Algumas coisas só podem ser vistas quando se perde tudo

Oh, vento, te superarei e o encararei!
Irei para o mar da angústia,
Embora as correntes machuquem meu peito
E o bater das ondas seja infinito

O que as pessoas encontram lutando?
O sangue derramado fará crescer as flores ?
Até que o precioso amanhã esteja em minhas mãos…
Até o dia em que nos encontremos…

Oh, vento, te superarei e o encararei!
Me guiarei até a sabedoria
Abraçando as orações no meu coração
Vago pelo futuro aparentemente sombrio

Oh, vento, não estou com medo!
O amor é o milagre que encontrei!
É uma alegria acreditar em você
A tempestade esbraveja e assim eu sou capaz de reconhecer nosso amor

Maaya Sakamoto – Yubiwa

Maaya Sakamoto – Yubiwa 

Anel

tumblr_nrpty8sQ0q1uyap7po1_500

Reflexões da Maaya: Em 2003 fiz um cover de meu próprio single “Yubiwa”, lançado em 2000, e que foi incluído em “Nikopachi”. Eu cantei uma versão quando tinha 23 anos, por isso os “23 karat”. Há na verdade uma versão em inglês da música (um dueto meu com Shanti Snyder) chamado “Você não está sozinho” e até mesmo uma versão coreana feita por uma cantora coreana.

Letra: Yuho Iwasato
Composição: Yoko Kanno
Arranjo: Yoko Kanno
Aparece em: Yubiwa Single, Singles Collection + Nikopachi Best Album (23 Carat), Everywhere Best Album (23 Carat)

Como minhas lágrimas transbordam uma atrás da outra
Eu não posso ver seu seu último sorriso pelo borrão
Por favor não vá, por favor não vá, fique
Luzes irrompem no céu

Esse meu eu insignificante
Amou você mais que qualquer um, com toda alma
Obrigada por todos os preciosos sentimentos
Que você me ofereceu

“Quando você decolou, eu fiquei
Olhando por um longo tempo como a trilha de vapor desaparecia”

Por favor, não esqueça
Você não está sozinho
Mesmo que nos separemos, ainda podemos andar de mãos dadas
Com meu primeiro amor eu percebi pela primeira vez
Que poderia existir tamanha dor

Ainda que algo desapareça
Irá renascer
Quando você me deu aquele sorriso de despedida
Foi uma mensagem para mim para que eu vivesse intensamente

E sei que nos veremos novamente algum dia
Se estivermos juntos
Mesmo quando nos separemos poderemos nos olhar nos olhos
Vamos apostar tudo em nossos sonhos e esperanças

Vamos prometer um para o outro
Que vamos segurar a intensidade que sentimos naquele dia
E viver o futuro que irá florescer amanhã

Maaya Sakamoto – Pilot

Maaya Sakamoto – Pilot

Piloto

Coverdive

Reflexões da Maaya: Do ponto de vista lírico, essa canção é incrível. Escrever essa música me fez conseguir formar um padrão em minha mente. Escrevo letras inteiramente focada em como converter a imagem que está apenas na minha cabeça em palavras, e essa música marca a primeira vez em que senti que esse processo deu certo.

Letra: Maaya Sakamoto
Composição: Yoko Kanno
Arranjo: Yoko Kanno
Aparece em: Hashiru Single, Everywhere Album, DIVE Album, SinglesCOLLECTION + Hotchpotch Album

No círculo desenhado com uma linha branca
Nós dois estamos deitados de costas
Olhamos para cima e rimos
Mesmo que não exista uma grande muralha ou algo assim
Nós dois não quebraríamos nenhuma regra, certo?

Não importa o que eu tenha que fazer irei protegê-lo
É como eu penso
Se isso for verdade, eu quero me apressar e leva-lo
Agora mesmo no nosso avião intocável

Cheguei ao ponto de não poder comer mais os donuts mais doces
Mesmo que esteja cercada deles
Como não estamos acostumados com a tristeza
A realidade deve estar em algum lugar distante

Enquanto você estiver dormindo, por que não voa um pouquinho?
Por que não voa só com o poder de nós dois?
Não estamos fugindo, mas nos deixe agir como estamos
Agora mesmo no nosso avião intocável

Enquanto você estiver dormindo, por que não voa um pouquinho?
Vamos voar só com o poder de nós dois?

Maaya Sakamoto – Tune The Rainbow

Maaya Sakamoto – Tune The Rainbow

Melodia do Arco-íris

tumblr_nrpty8sQ0q1uyap7po1_500.jpg

Reflexões da Maaya: Na verdade, nós fizemos o photoshoot dessa música e de “Gravity” no mesmo dia. Kanno-san fotografou para as duas. As roupas eram todas minhas de verdade, então as fotos tiveram uma sensação muito acolhedora.

Letra: Yuho Iwasato
Composição: Yoko Kanno
Arranjo: Yoko Kanno
Aparece em: Tune The Rainbow Single, Everywhere Album, Singles Collection + Nikopachi Best Album

Eu ficarei aqui apenas para secar sua lágrimas que escorrem
Tão lindas como a chuva que cai, suas lágrimas transparecem seu coração

Hoje enquanto olhava do topo da colina
Percebi que vivemos desnorteados
Embora o mundo devesse ser banhado em amor
A canção de amor não nos alcança

Eu só quero te proteger
Só quero proteger os dias em que seu rosto brilha ao sorrir
Eu só quero te proteger
Proteger seu coração cheio de tristeza envolto de solidão
Pelo resto dos meus dias

Eu juro por tudo que eu arriscaria tudo, perderia tudo
Por aquele que eu amo, para pensar em você, viver junto de você

Nós éramos muito moles, dois covardes
Embora eu não seja perito em contar o que sinto de verdade
Eu posso falar de grandes acontecimentos e feitos
Dessa forma, está tudo bem, me sinto satisfeita

Nós dois apaixonados
Podemos ser separados por um vento forte
Nós dois apaixonados
Estaremos lado a lado com nossas orações para sempre

A chuva cairá do mesmo céu
A chuva cairá
E terminará em arco-íris

Eu só quero te proteger
Só quero proteger os dias em que seu rosto brilha ao sorrir
Eu só quero te proteger
Proteger seu coração cheio de tristeza envolto de solidão
Nunca esquecerei o vento, as árvores e o céu queimado
Nunca esquecerei a música que amei ou a capa do livro que li tantas vezes

Eu só quero te proteger
Só quero proteger os dias em que seu rosto brilha ao sorrir
Eu só quero te proteger
Proteger seu coração cheio de tristeza embalado de solidão
Nunca esquecerei o céu, o oceano, a luz do sol durante o verão
Nunca esquecerei as palavras que trocamos, nunca esquecerei nada!

O arco-íris passageiro
Deve ser uma ponte até você